História da Cidade de Santo Antônio do Rio Abaixo/MG


Em termos da história do município, informações da biblioteca do IBGE (2007) e da Prefeitura Municipal de Santo Antônio do Rio Abaixo (MINAS GERAIS, 2013) relatam que em 1695, o bandeirante Borba Gato descobre ouro em Sabará. Em seguida, Borba Gato explora o rio Santo Antônio, no município de Ferros, onde fixa residência (povoado Borba Gato). Com ele, outros desbravadores vieram e foram encontrando em abundância, o ouro aluvião, no rio Santo Antônio. Por ter sido construído seguindo as correntes das águas, recebeu a denominação de Santo Antônio do Rio Abaixo. A expedição que fundou a cidade se compunha de bandeirantes portugueses das famílias Duarte e Alvarenga. Os bandeirantes iniciaram a mineração de ouro nas terras da Fazenda Morro Grande, construindo seus casebres, formando, assim, um pequeno povoado. Já no ano 1787, com uma população fixada à margem do rio Santo Antônio, estimada para cima de 400 pessoas, José Ferreira Santiago, dirigiu-se ao rei pedindo licença para levantar uma capela que servisse para ele e seus vizinhos. Seu pedido foi aceito em 10 de março de 1788. Mais tarde, elevou-se à categoria de vila e tornou-se distrito de Conceição do Mato Dentro, em 04 de janeiro de 1875. A criação do município de Santo Antônio do Rio Abaixo se deu no dia 30 de dezembro de 1962. A instalação do mesmo se deu no dia 1º de março de 1963. Em 30 de junho, houve as primeiras eleições para prefeito, vice-prefeito e para os vereadores da Câmara Municipal, sendo empossados no dia 03 de setembro de 1963.